Cidade de São Paulo debate Paradiplomacia

Publicação: 18/08/2021

Evento gratuito e on-line é realizado pelo vereador Eliseu Gabriel

A “I Semana de Paradiplomacia do Município de São Paulo” acontece de forma on-line, gratuita, entre os dias 23 e 27 de agosto próximo. O evento tem caráter científico, interdisciplinar e suprapartidário e é realizado pelo gabinete do vereador Eliseu Gabriel (PSB) em parceria com organizações acadêmicas e agências governamentais.

O objetivo da Semana é desenvolver a paradiplomacia no contexto brasileiro, estimulando a fundação e novas instituições no setor e estabelecendo parcerias com as universidades, responsáveis por formar quadros e produzir conhecimentos para esse importante setor da administração pública. O evento também põe em evidência as novas necessidades e problemas administrativos do município brasileiro nos primeiros 25 anos do século XXI.

“A Semana de Paradiplomacia dará maior visibilidade e aplicação para àquelas pesquisas que já são desenvolvidas pela universidade brasileira e incentivará os jovens pesquisadores das Ciências Humanas a desenvolverem e atuarem na paradiplomacia”, explica Eliseu Gabriel. Vale acrescentar que ele é o autor do projeto de lei 193/21 que insere no Calendário de Eventos da Cidade de São Paulo a Semana Municipal da Paradiplomacia, a ser celebrada, anualmente, na quarta semana de agosto, e que já tramita na Câmara Municipal.

Como o próprio termo sugere, “paradiplomacia” é a diplomacia paralela em relação à diplomacia tradicional, que é feita pelo governo federal para atender as necessidades do país em seu conjunto. Assim, a paradiplomacia é a atuação internacional dos Estados municípios (conhecidos na literatura como unidades subnacionais) para atender as necessidades locais do poder público – interesses que obedecem uma série de ordens, tal como o desenvolvimento econômico, a saúde coletiva, o intercâmbio estudantil em seus diferentes níveis, o saneamento básico e os problemas ambientais.

A paradiplomacia é importante porque nem sempre o governo federal tem consciência plena dos problemas enfrentados pelos diferentes governos locais e, muitas vezes, tem a consciência, mas não consegue mobilizar os meios necessários para atender o governo local. Em condições como essa, a paradiplomacia permite ao Estado e municípios angariar meios no exterior para atender as próprias demandas.

Diferente da diplomacia tradicional, que tem séculos de história, paradiplomacia é um campo de atuação recente. A palavra “paradiplomacia” veio a público pela primeira vez na década de 1970, mas foi apenas no começo do século XXI que ela se tornou uma prática corrente, de fato.

No contexto brasileiro este campo ainda está em fase de implantação. São poucas as secretarias municipais de relações internacionais e o assunto ainda não está difundido pelo grande público. No setor acadêmico, os estudos em paradiplomacia também precisam ser estimulados.

A princípio, as preocupações são grandes: analisar as possibilidades de conflito entre a paradiplomacia e a diplomacia tradicional, adequar o marco legal para a prática, estabelecer os critérios para a formação do paradiplomata. Eliseu Gabriel informa que todos esses são assuntos que a “Semana de Paradiplomacia” pretende discutir em suas diferentes edições.

Além de mesas redondas com a participação de autoridades da academia e do poder público, o evento conta com um espaço de publicações que deverá oferecer debates e estudos de caso para os futuros estudiosos e operadores da paradiplomacia. Os ex-ministros Marta Suplicy e Rubens Ricupero, o prefeito de Niterói, Axel Grael, e o embaixador Fernando de Mello Barreto são alguns dos que estarão presentes na Semana.

CONFIRA AQUI A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DA SEMANA 

Baseado nos princípios democráticos e universalistas que fundam a Nova República, esta Semana de Paradiplomacia pretende ser um instrumento de debate e aprimoramento da política pública no Brasil.

 

Mais informações e inscrições:

www.even3.com.br/paradiplomacia2021

 

 

 

Mídias Sociais

Fale com o Vereador

É o presidente da Comissão de Educação, Cultura e Esportes da Câmara Municipal de São Paulo, eleito no ano de 2020 pela sexta vez.

Receba nossos informativos

Câmara Municipal de São Paulo

Viaduto Jacareí, 100 - 6° andar - São Paulo/SP

Cep: 01319-040

Telefone: (11) 3396-4403

E-mail: vereador@eliseugabriel.com.br

WhatsApp: (11) 94364-0123 (de 2ª a 6ª, das 10h às 19h)

 

Escritório Político

Av. Agenor Couto de Magalhães, 235

Cep: 05174-000

Telefone: (11) 3902-3543

 

Assessoria de Imprensa

Vivi Bueno

+55 11 3396-4403

vivibueno@saopaulo.sp.leg.br