Bombeiros civis lotam Câmara Municipal de São Paulo

Publicação: 28/02/2018

Iniciativa do vereador Eliseu Gabriel homenageou a categoria

O Salão Nobre da Câmara Municipal de São Paulo ficou pequeno para receber os bombeiros civis, seus familiares e amigos, na noite da última segunda-feira (26). Por mais um ano, o vereador professor Eliseu Gabriel homenageou a categoria. Ele é autor da Lei Lei n°15.788/13, que institui o Dia Municipal do Bombeiro Civil (1º de fevereiro) no Calendário Oficial de Eventos da Cidade de São Paulo. A escolha da data faz referência ao terceiro maior incêndio do país, o edifício Joelma, em 1974. Também é de sua autoria a Lei 16.312/15, que obriga a presença do bombeiro civil em estabelecimentos com grande concentração de pessoas, como shoppings center, casas de shows e espetáculos, hipermercados, magazines e universidades.

Eliseu ressalta que o bombeiro civil é uma profissão extremamente importante, necessária. "Nós conseguimos ajudar muito com a lei que obriga a presença desses profissionais em vários tipos de instituições. O benefício é para a categoria e para a população. Fazer esse evento significa lembrar e homenagear as pessoas que dedicam a sua própria vida a salvaguardar a do outro", diz o vereador. 

Para Galeno Rosa, representante da Frente Parlamentar de Desenvolvimento da Profissão, é de grande relevância para a categoria ter esse reconhecimento. “Em São Paulo temos cerca de 20 mil bombeiros operando diuturnamente para garantir a segurança e o bem-estar da comunidade. Bombeiro significa prevenção, profissional altamente capacitado para entrar em ação. Essa homenagem do vereador Eliseu Gabriel contribui para que possamos debater nossa profissão e as necessidades que temos que envolvem o poder público”.

Nelson Pedro Miguel, conhecido como Miguel Bombeiro, fundador da primeira associação dos bombeiros civis do Estado de São Paulo e do primeiro sindicato da categoria, ratifica que a data é uma vitória para a classe. “A iniciativa do vereador Eliseu em prol da categoria é um importante reconhecimento.  Antes não existia essa mobilização porque o número de profissionais era pouco. Hoje, a quantidade cresceu ‘descoordenadamente’. Esse dia é uma vitória”, afirma. Miguel também ressalta a importância de um bombeiro dentro de empresas e estabelecimentos e relembra o caso da Boate Kiss. “Talvez 242 mortes tivessem sido evitadas se houvesse a presença de bombeiros no local”, alega.

O evento recebeu bombeiros civis do interior de São Paulo. Daisi Vicente, por exemplo, é de Presidente Prudente e foi uma das homenageadas da noite. Para ela, o o significado desse reconhecimento é imensurável. “É uma realização fazer parte desta categoria e ver a valorização da profissão. Como mulher, sinto que ainda há um preconceito muito grande. Num prédio, por exemplo, de dez profissionais, apenas um é mulher. Mas estamos aí brigando, na luta”, declara.

Sancionada em 2009, a Lei Federal 11.901 reconhece a profissão do bombeiro civil para todos que exerçam uma função remunerada e exclusiva de prevenção e combate a incêndio. A Lei também curso de formação profissional com carga horária de 210 horas e determina que todas as escolas e instrutores sejam credenciados no Corpo de Bombeiros.

Ao final da sessão solene, emoção para 20 alunos do Centro Técnico de Formação de Bombeiros (CTFB) Fire Fighter. Eles receberam o diploma pela formatura do curso profissional de bombeiro civil. Segundo Edson de Jesus, diretor da CTFB e presidente da Anb-Cibra (Associação Nacional dos Bombeiros, Defesa Civil e Esportes no Brasil), o status que a Lei proporcionou é de extrema importância, além de outros avanços após suas sanção, principalmente o apoio do vereador Eliseu Gabriel e as duas leis por ele criadas. “O reconhecimento da profissão foi o primeiro passo e a lei do vereador Eliseu, que obrigada apresença do bombeiro civil em locais com aglomeração, fez o mercado de trabalho crescer e o número de riscos de incêndio diminuir, porque agora são preveidos e, muitas vezes, sanados”, afirma.

Além do vereador Eliseu Gabriel, compuseram a mesa do evento o comandante Geral da Guarda Civil Metropolitana (GCM), Carlos Alexandre Braga; Bolívar Fundão Filho, presidente da Organização Bombeiros Unidos Sem fronteira; Cristiano Vargas, comandante do Grupamento de Bombeiros Civis de Várzea Paulista; Antônio Carlos Figueiredo Chaves, diretor de Operação da força Tarefa Brasileira; Edson Jesus, diretor do Sindicato dos Bombeiros Civis do Estado de São Paulo; Aparecido Cruz, do departamento de Segurança do Trabalho da Universidade Federal de São Paulo; Galeno Rosa, da frente Parlamentar de Desenvolvimento da profissão Bombeiro Civil da Câmara Federal; Carlos Alberto Pinheiro dos Santos (Irmão Charles), diretor presidente da Cooperativa nacional dos Bombeiros; Nelson Pedro Miguel, da Escola Técnica de Formação de Bombeiros de segurança do Trabalho; Ed Carlos Silva Lima, diretor do CeFBC e Coronel Inácio, secretário municipal de Segurança Pública de Mairiporã.

 

 

 

Eliseu Gabriel


Reeleito para o quinto mandato (2017-2020) com mais de 52 mil votos, foi o mais votado de seu partido e está entre os mais votados do Brasil.

Mais uma vez, foi convidado para assumir a Secretaria de Trabalho e Empreendedorismo, em janeiro de 2017. Após 180 dias de muitas ações e conquistas para a cidade e para os paulistanos, retornou à Câmara Municipal para prosseguir com seu mandato de vereador e estar mais presente ao seu partido, o PSB, do qual é presidente municipal. Atualmente, Eliseu Gabriel também é presidente da Comissão de Educação e Cultura da Câmara e Corregedor do legislativo paulistano.

Fale com o Vereador


+55 11 3396-4403

vivibueno@saopaulo.sp.leg.br

Viaduto Jacareí, 100 - 6° Andar
São Paulo/SP Cep: 01319-040


Receba nossos Informativos

    

Assessoria de Imprensa


Vivi Bueno

+55 11 3396-4403 / 9.9999-2539

vivibueno@camara.sp.gov.br

Tags

Câmara Municipal de São Paulo Vereador Eliseu Gabriel Cidade de São Paulo Prefeitura de São Paulo Pirituba Lapa Energia Solar Medicalização Incentivo à Leitura Fracasso Escolar Violência nas Escolas Bullying Dislexia Plano Municipal de Educação Área Escolar de Segurança Sesc Pirituba Fundeb Quarteirão da Cultura Quarteirão do Itaim Instituto Federal de São Paulo Instituto Federal Pirituba Instituto Federal Campus Pirituba Sampaprev Ponte da Raimundo Vereador PSB Ponte Pirituba Ligação Viária Pirituba-Lapa Vereador da educação Vereador de Pirituba e região Vereador da Lapa O melhor vereador de São Paulo Hospital Veterinário Público de Pirituba Hospital Público Veterinário de Pirituba São Paulo Sem Bituca Tribo Guarani Estudo e Leitura Jovem poeta Cine Belas Artes Parque Toronto Bombeiro Civil Cardiopatia Congênita Praça das Corujas Vila Anglo Vereador mais votado em Pirituba Brasilândia Parque São Domingos Professor Eliseu Gabriel Jaraguá Música raiz Perus Freguesia do Ó Descobrir-se Autor Revelar-se Autor Criado em Sampa Empreendedorismo Telecurso Telecurso 2º Grau Conselho Municipal de Ciência, tecnologia e Inovação Defesa Animal Proteção Animal Vizinho Alerta Comissão da Verdade Brasil Soberano Plano Municipal de Educação Dicas de como estudar Alberto Conte Democracia Jovem Poeta Coronavírus Covid-19